Futucando Notícias

MENU
Logo
Domingo, 27 de setembro de 2020
Publicidade
Publicidade

Política

Deputados estaduais baianos gastam mais de R$ 1 milhão em verbas parlamentares só em janeiro

Os gastos por deputado estadual variam entre R$ 800 e mais de R$ 39.000

Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Os deputados estaduais baianos gastaram exatos R$ 1.141.376,10 até o momento no primeiro mês da legislatura em 2020. Os números foram obtidos por meio de dados abertos disponibilizados pela Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA). Em janeiro os parlamentares deveriam estar em recesso, mas uma convocação extraordinária foi pedida para votar projetos do executivo.

Os gastos parlamentares são configurados em diversas categorias, como aluguéis de imóveis para escritório, transporte, divulgação de atividade parlamentar, consultorias, assessorias, serviços tecnológicos e de informática, hospedagem, entre inúmeras outras possibilidades.

Todos os deputados são obrigados a prestar contas sobre esses gastos, disponibilizando o valor e a categoria do serviço adquirido, o número da nota/recibo e o nome do fornecedor e seu CPF/CNPJ.

Por conta da convocação extra, os parlamentares ainda receberam salário extra de R$ 50 mil. Um dos objetivos do chamamento era aprovar a polêmica PEC 159/2020, que trata sobre a reforma da Previdência. Com a remuneração especial, a ALBA vai gastar mais de R$ 3 mi. Somadas aos custos de gabinete, a Casa vai ter um custo de mais de R$ 4 mi em janeiro.

Vale recordar também que em dezembro de 2019, o governo estadual autorizou um incremento de R$ 95 mi de recursos para a ALBA num intervalo de apenas quatro dias. Os recursos liberados foram utilizados para custeio com administração de pessoal e encargos no exercício da ação legislativa; reforma de instalação física e publicidade institucional.

Confira abaixo a lista completa com todas as despesas dos atuais parlamentares do legislativo baiano no mês de janeiro. (Atualizados em 29/01/2020)

Aderbal Caldas (PP): R$ 16.600
Alan Castro (PSD): R$ 33.020
Alex de Piatã (PSD): R$ 39.010
Antônio Henrique Junior (PP): R$ 5881
Bobô (PCdoB): R$ 8.350
Capitão Alden (PSL): R$ 22.182
Dal (PP): R$ 20.600
David Rios (PSDB): R$ 10.290
Diego Coronel (PSD): R$ 36.500
Eduardo Alencar (PSD): R$ 17.650
Euclides Fernandes (PDT): R$ 6.800
Fabíola Mansur (PSB): R$ 13.950
Fabrício Falcão (PCdoB): R$ 38.000
Hilton Coelho (PSOL): R$ 9.750
Ivana Bastos (PSD): R$ 5.262
Jacó Lula da Silva (PT): R$ 15.628
Jânio Natal (PODEMOS): R$ 37.000
José de Arimateia (PRB): R$ 3.000
Júnior Muniz (PP): R$ 9.750
Jurandy Oliveira (PP): R$ 25.350
Jusmari Oliveira (PSD): R$ 5.000
Laerte do Vando (PSC): R$ 6.500
Luciano Simões Filho (DEM): R$ 37.200
Marcelino Galo Lula (PT): R$ 21.340
Marcell Moraes (PSDB): R$ 39.000
Marcelo Veiga (PSB): R$ 19.000
Marquinho Viana (PSB): R$ 17.440
Mirela Macedo (PSD): R$ 39.000
Nelson Leal (PP): R$ 19.500
Neusa Lula Cadore (PT): R$ 19.400
Niltinho (PP): R$ 29.230
Osni Cardoso Lula da Silva (PT): R$ 31.260
Pastor Isidório Filho (AVANTE): R$ 26.900
Pastor Tom (PSL): R$ 39.000
Paulo Câmara (PSDB): R$ 34.050
Paulo Rangel Lula da Silva (PT): R$ 29.000
Pedro Tavares (DEM): R$ 800
Robinho (PP): R$ 37.200
Robinson Almeida Lula (PT): R$ 2.360
Rogério Andrade Filho (PSD): R$ 19.700
Rosemberg Lula Pinto (PT): R$ 11.000
Samuel Júnior (PDT): R$ 20.000
Sandro Régis (DEM): R$ 38.246
Soldado Prisco (PSC): R$ 37.500
Talita Oliveira (PSL): R$ 22.010
Targino Machado (DEM): R$ 22.550
Tiago Correia (PSDB): R$ 29.000
Tom Araújo (DEM): R$ 20.170
Tum (PSC): R$ 22.700
Vitor Bonfim (PL): R$ 32.200
Zé Cocá (PP): R$ 22.500
Zé Raimundo Lula (PT): R$ 16.056

Fonte/Créditos: Varela Noticias

Créditos (Imagem de capa): Ascom/Alba

Comentários:

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )