Futucando Notícias

Balanço da PRF alerta para necessidade de mais prudência e educação no trânsito

São considerados graves aquelas ocorrências das quais resultaram ao menos em um ferido grave ou um morto
Balanço da PRF alerta para necessidade de mais prudência e educação no trânsito
PRF

Balanço da PRF alerta para necessidade de mais prudência e educação no trânsito

Ascom PRF

O balanço da Polícia Rodoviária Federal (PRF) quanto à violência no trânsito nas rodovias federais que cortam o país acende um sinal de alerta para a necessidade de mais prudência e educação por parte de todos. Em 2019, embora o órgão tenha registrado uma diminuição de 2,7% no total de acidentes, passando de 69.295 em 2018 para 67.427, mais acidentes graves foram atendidos.

São considerados graves aquelas ocorrências das quais resultaram ao menos em um ferido grave ou um morto. O total de acidentes graves apresentou um aumento de 4,13%. Em 2018, foram 17.520 casos e 18.244 no ano passado. 5.332 pessoas perderam a vida em acidentes nas rodovias federais. A estatística é 1,16% superior ao registrado em 2018, quando 5.271 pessoas morreram. O número de feridos saltou de 76.647 em 2018 para 79.051 em 2019.

O Distrito Federal (+39,13%), Roraima (+17,46%), Acre (+15,38%), Sergipe (+14,02%) e Paraíba (+11,60%) foram os que apresentaram os maiores aumentos no atendimento a acidentes graves no ano passado. Já no Amapá (-36%), Pará (-28,72%), Mato Grosso (-17,02%) as BRs apresentaram-se menos violentas em 2019.

A proteção da vida no âmbito da PRF tem várias frentes, entre elas, contribuir para a diminuição de mortes no trânsito. Engajado no Programa da Organização das Nações Unidas – ONU, Década Mundial de Segurança Viária 2011/2020, o órgão também é parte fundamental no Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito – PNATRANS, no período de 2018-2022. O Projeto Nacional de Redução de Mortes, instituído pela PRF através da Portaria nº 194/2019/DG, de 04 de setembro de 2019 é parte deste compromisso com a vida.

OUVIR NOTÍCIA

O balanço da Polícia Rodoviária Federal (PRF) quanto à violência no trânsito nas rodovias federais que cortam o país acende um sinal de alerta para a necessidade de mais prudência e educação por parte de todos. Em 2019, embora o órgão tenha registrado uma diminuição de 2,7% no total de acidentes, passando de 69.295 em 2018 para 67.427, mais acidentes graves foram atendidos.

São considerados graves aquelas ocorrências das quais resultaram ao menos em um ferido grave ou um morto. O total de acidentes graves apresentou um aumento de 4,13%. Em 2018, foram 17.520 casos e 18.244 no ano passado. 5.332 pessoas perderam a vida em acidentes nas rodovias federais. A estatística é 1,16% superior ao registrado em 2018, quando 5.271 pessoas morreram. O número de feridos saltou de 76.647 em 2018 para 79.051 em 2019.

O Distrito Federal (+39,13%), Roraima (+17,46%), Acre (+15,38%), Sergipe (+14,02%) e Paraíba (+11,60%) foram os que apresentaram os maiores aumentos no atendimento a acidentes graves no ano passado. Já no Amapá (-36%), Pará (-28,72%), Mato Grosso (-17,02%) as BRs apresentaram-se menos violentas em 2019.

A proteção da vida no âmbito da PRF tem várias frentes, entre elas, contribuir para a diminuição de mortes no trânsito. Engajado no Programa da Organização das Nações Unidas – ONU, Década Mundial de Segurança Viária 2011/2020, o órgão também é parte fundamental no Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito – PNATRANS, no período de 2018-2022. O Projeto Nacional de Redução de Mortes, instituído pela PRF através da Portaria nº 194/2019/DG, de 04 de setembro de 2019 é parte deste compromisso com a vida.

Fonte

Ascom PRF

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Entretenimento
Cabrália: Prefeitura não cumpre acordo no carnaval, ambulantes contabilizam os prejuízos
Cabrália: Prefeitura não cumpre acordo no carnaval, ambulantes contabilizam os prejuízos
VISUALIZAR
Policial
Adolescente embarca em para-choque traseiro de caminhão, percorre cerca de 50 quilômetros e...
Adolescente embarca em para-choque traseiro de caminhão, percorre cerca de 50 quilômetros e PRF evita final trágico
VISUALIZAR
Policial
Policiais Rodoviários Federais socorrem bebê com sintomas de engasgamento na BR 367 em Porto...
Policiais Rodoviários Federais socorrem bebê com sintomas de engasgamento na BR 367 em Porto Seguro
VISUALIZAR
Saúde
São Paulo: Ministério da Saúde manda para contraprova possível caso positivo de...
São Paulo: Ministério da Saúde manda para contraprova possível caso positivo de coronavírus
VISUALIZAR
Saúde
Itabuna: Santa Casa confirma caso suspeito de Coronavírus
Itabuna: Santa Casa confirma caso suspeito de Coronavírus
VISUALIZAR
Policial
Eunápolis: Ex-presidiário é assassinado a tiros no bairro Santa Lúcia
Eunápolis: Ex-presidiário é assassinado a tiros no bairro Santa Lúcia
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )