Futucando Notícias

Bahia é responsável por 3,9% dos abortos legais realizados no Brasil

O estado é o maior do Nordeste e concentra 7% da população nacional
Bahia é responsável por 3,9% dos abortos legais realizados no Brasil
Reprodução/Portal Médico Responde
44

Bahia é responsável por 3,9% dos abortos legais realizados no Brasil

Portal Médico Responde

Em 2018 o estado da Bahia realizou 66 abortos que se enquadram nas situações previstas em lei e despenalizadas pelo Código Penal. O número representa 3,9% do total de procedimentos realizados no país no período, cujo total foi de 1.690 de acordo com dados do Ministério da Saúde. O estado é o maior do Nordeste e concentra 7% da população nacional, sendo o 4º com maior número de habitantes. 

A legislação brasileira proíbe o aborto, exceto nos casos de estupro, de risco para a vida da mulher e de anencefalia do feto.

Os abortos legais representam apenas 0,6% do total de gestações interrompidas na Bahia em 2018. Isso porque ao considerar outras situações que culminaram em aborto na Bahia no período em questão o número salta para 11.993, de acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). A maior parcela, 75,8%, diz respeito a abortos espontâneos, com 9.094 ocorrências. Em seguida aparecem os "Abortos NE", aqueles não especificados, que com 2.272 registros representam 18,9%. "Outros tipos de aborto" somaram 476 casos e 4% e fala de tentativa de aborto foram 15 ocorrências. A Bahia ainda registrou 70 complicações com consequência de aborto devido a gravidez ectópica molar, nesses casos o embrião se desenvolve fora do útero.

O Ministério da Saúde não contabiliza outros tipos de aborto não os legais e, portanto, não fornece dados nacionais sobre outras situações que resultaram em gestações interrompidas. 

OUVIR NOTÍCIA

Em 2018 o estado da Bahia realizou 66 abortos que se enquadram nas situações previstas em lei e despenalizadas pelo Código Penal. O número representa 3,9% do total de procedimentos realizados no país no período, cujo total foi de 1.690 de acordo com dados do Ministério da Saúde. O estado é o maior do Nordeste e concentra 7% da população nacional, sendo o 4º com maior número de habitantes. 

A legislação brasileira proíbe o aborto, exceto nos casos de estupro, de risco para a vida da mulher e de anencefalia do feto.

Os abortos legais representam apenas 0,6% do total de gestações interrompidas na Bahia em 2018. Isso porque ao considerar outras situações que culminaram em aborto na Bahia no período em questão o número salta para 11.993, de acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). A maior parcela, 75,8%, diz respeito a abortos espontâneos, com 9.094 ocorrências. Em seguida aparecem os "Abortos NE", aqueles não especificados, que com 2.272 registros representam 18,9%. "Outros tipos de aborto" somaram 476 casos e 4% e fala de tentativa de aborto foram 15 ocorrências. A Bahia ainda registrou 70 complicações com consequência de aborto devido a gravidez ectópica molar, nesses casos o embrião se desenvolve fora do útero.

O Ministério da Saúde não contabiliza outros tipos de aborto não os legais e, portanto, não fornece dados nacionais sobre outras situações que resultaram em gestações interrompidas. 

Fonte

Portal Médico Responde

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Eleições 2020
Em vídeo, Cordélia fala da Eunápolis que sonha viver, destacando a Justiça, a falta de...
Em vídeo, Cordélia fala da Eunápolis que sonha viver, destacando a Justiça, a falta de preconceitos e a igualdade
VISUALIZAR
Política
Fake news: Cordélia e Dapé estão processando autores de notícias criminosas espalhadas na...
Fake news: Cordélia e Dapé estão processando autores de notícias criminosas espalhadas na internet contra eles
VISUALIZAR
Economia
Começou a promoção de verão da Móveis Soares com ofertas imperdíveis
Começou a promoção de verão da Móveis Soares com ofertas imperdíveis
VISUALIZAR
Mundo
Gatos podem comer corpos humanos e têm preferência por tecidos dos braços, diz estudo
Gatos podem comer corpos humanos e têm preferência por tecidos dos braços, diz estudo
VISUALIZAR
Política
Absurdo: Congresso paga a filha de ex-parlamentar pensão de R$ 16,8 mil há quase meio século
Absurdo: Congresso paga a filha de ex-parlamentar pensão de R$ 16,8 mil há quase meio século
VISUALIZAR
Eleições 2020
Eleitores de diversas cidades do Extremo Sul têm menos de um mês para a revisão biométrica
Eleitores de diversas cidades do Extremo Sul têm menos de um mês para a revisão biométrica
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )