Futucando Notícias

Bahia: agressores de mulheres usarão tornozeleira eletrônica e serão monitorados em todo o estado

O equipamento informa a localização do agressor que está proibido de se aproximar da vítima, contribuindo para garantir o cumprime
Bahia: agressores de mulheres usarão tornozeleira eletrônica e serão monitorados em todo o estado
divulgação

Bahia: agressores de mulheres usarão tornozeleira eletrônica e serão monitorados em todo o estado

A Tarde

 

Na última quinta-feira, 22, foi lançado no auditório do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), em Salvador, o sistema de monitoração eletrônica de pessoas em casos de violência doméstica contra a mulher.

 

Válido em todo o estado, a ferramenta irá monitorar agressores por meio de tornozeleira eletrônica e segundo a Secretaria de Comunicação Social do estado (Secom), a medida é resultado de um termo de compromisso assinado pelas secretarias de Políticas para as Mulheres (SPM-BA) e a de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap), em setembro de 2018, para que parte das tornozeleiras adquiridas pelo governo da Bahia fosse disponibilizada para monitoração de acusados ou condenados em casos de violência doméstica e familiar contra as mulheres, especialmente nos casos em que há medida protetiva com ordem de afastamento do agressor da vítima.

O uso das tornozeleiras eletrônicas por agressores em casos de violência doméstica e familiar é considerado um avanço no enfrentamento à violência de gênero e a Lei Maria da Penha não garante a fiscalização da medida protetiva que determina distância mínima entre o agressor e a vítima.

O equipamento informa a localização do agressor que está proibido de se aproximar da vítima, contribuindo para garantir o cumprimento da medida. Os dados emitidos pela tornozeleira são enviados para a Central de Monitoramento da Seap, que acompanha todas as movimentações e comunica à Justiça em caso de descumprimento.

Além disso, a utilização do ‘botão do pânico’ reforça a proteção da vítima, uma vez que fica conectado com a tornozeleira do acusado e, quando este se aproxima da vítima, uma chamada é acionada na polícia.

OUVIR NOTÍCIA

 

Na última quinta-feira, 22, foi lançado no auditório do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), em Salvador, o sistema de monitoração eletrônica de pessoas em casos de violência doméstica contra a mulher.

 

Válido em todo o estado, a ferramenta irá monitorar agressores por meio de tornozeleira eletrônica e segundo a Secretaria de Comunicação Social do estado (Secom), a medida é resultado de um termo de compromisso assinado pelas secretarias de Políticas para as Mulheres (SPM-BA) e a de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap), em setembro de 2018, para que parte das tornozeleiras adquiridas pelo governo da Bahia fosse disponibilizada para monitoração de acusados ou condenados em casos de violência doméstica e familiar contra as mulheres, especialmente nos casos em que há medida protetiva com ordem de afastamento do agressor da vítima.

O uso das tornozeleiras eletrônicas por agressores em casos de violência doméstica e familiar é considerado um avanço no enfrentamento à violência de gênero e a Lei Maria da Penha não garante a fiscalização da medida protetiva que determina distância mínima entre o agressor e a vítima.

O equipamento informa a localização do agressor que está proibido de se aproximar da vítima, contribuindo para garantir o cumprimento da medida. Os dados emitidos pela tornozeleira são enviados para a Central de Monitoramento da Seap, que acompanha todas as movimentações e comunica à Justiça em caso de descumprimento.

Além disso, a utilização do ‘botão do pânico’ reforça a proteção da vítima, uma vez que fica conectado com a tornozeleira do acusado e, quando este se aproxima da vítima, uma chamada é acionada na polícia.

Fonte

A Tarde

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Saúde
Ministério da Saúde quer eliminar sarampo do país até julho
Ministério da Saúde quer eliminar sarampo do país até julho
VISUALIZAR
Saúde
Sobe para mais de 100 o número de estudantes internados com suspeita de infecção
Sobe para mais de 100 o número de estudantes internados com suspeita de infecção
VISUALIZAR
Saúde
Estudo mapeia 2.658 tipos de câncer e pode revolucionar tratamento da doença
Estudo mapeia 2.658 tipos de câncer e pode revolucionar tratamento da doença
VISUALIZAR
Economia
Bolsonaro desafia e Gasolina pode ficar 44% mais barata nas bombas se zerar ICMS e impostos...
Bolsonaro desafia e Gasolina pode ficar 44% mais barata nas bombas se zerar ICMS e impostos federais
VISUALIZAR
Eleições 2020
Cordélia visitou a feira do Pequi e ouviu os feirantes dizerem que a reforma dos boxes é por...
Cordélia visitou a feira do Pequi e ouviu os feirantes dizerem que a reforma dos boxes é por conta deles
VISUALIZAR
Policial
Eunápolis: PRF retira animais soltos na rodovia para evitar acidentes na BR 101
Eunápolis: PRF retira animais soltos na rodovia para evitar acidentes na BR 101
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )