Futucando Notícias

Aluno invade escola, e atira em colegas no Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais

Dois adolescentes foram alvejados e encaminhados ao hospital
Aluno invade escola, e atira em colegas no Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais
Estado de Minas

Aluno invade escola, e atira em colegas no Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais

Estado de Minas

Um estudante de 17 anos invadiu a Escola Estadual Orlando Tavares, em que estuda e atirou contra alunos no município de Caraí, no Vale do Jequitinhonha, na manhã de quinta-feira (07). Dois adolescentes de 15 e 16 anos ficaram feridos e foram encaminhados ao hospital municipal de Padre Paraíso, cidade vizinha. 

Segundo o diretor do educandário, Márcio Anselmo Vieira Matos, havia cerca de 300 alunos no local. O fato aconteceu quando parte dos estudantes fazia atividades de educação física. Houve pânico e correria. Com o auxílio da direção e dos professores, eles conseguiram entrar nas salas para fugir.

O atirador estuda no turno da manhã, no 2º ano, mas não foi à aula. Armado com uma garrucha de dois canos, um facão e uma réplica de pistola, ele pulou um dos muros laterais para invadir a instituição de ensino. 

Uma professora impediu que a tragédia tivesse consequências maiores. O aluno tentou invadir uma das salas. Ele atirou pelo lado de fora. A bala atravessou a porta e atingiu um aluno de 16 anos, que foi levado de carro ao hospital de Padre Paraíso. O estado de saúde do jovem é gravíssimo. Sobre o outro estudante, de 15 anos, ainda há divergências sobre a lesão sofrida.

Segundo funcionários, o estudante até então era considerado um aluno quieto, sem agressividade. A motivação do crime ainda não foi esclarecida. Após atacar as pessoas, ele pulou o muro para a rua e tentou entrar novamente, mas foi detido pela Polícia Militar (PM). Um outro envolvido também foi detido, mas ainda não há detalhes da participação dele no crime. 

OUVIR NOTÍCIA

Um estudante de 17 anos invadiu a Escola Estadual Orlando Tavares, em que estuda e atirou contra alunos no município de Caraí, no Vale do Jequitinhonha, na manhã de quinta-feira (07). Dois adolescentes de 15 e 16 anos ficaram feridos e foram encaminhados ao hospital municipal de Padre Paraíso, cidade vizinha. 

Segundo o diretor do educandário, Márcio Anselmo Vieira Matos, havia cerca de 300 alunos no local. O fato aconteceu quando parte dos estudantes fazia atividades de educação física. Houve pânico e correria. Com o auxílio da direção e dos professores, eles conseguiram entrar nas salas para fugir.

O atirador estuda no turno da manhã, no 2º ano, mas não foi à aula. Armado com uma garrucha de dois canos, um facão e uma réplica de pistola, ele pulou um dos muros laterais para invadir a instituição de ensino. 

Uma professora impediu que a tragédia tivesse consequências maiores. O aluno tentou invadir uma das salas. Ele atirou pelo lado de fora. A bala atravessou a porta e atingiu um aluno de 16 anos, que foi levado de carro ao hospital de Padre Paraíso. O estado de saúde do jovem é gravíssimo. Sobre o outro estudante, de 15 anos, ainda há divergências sobre a lesão sofrida.

Segundo funcionários, o estudante até então era considerado um aluno quieto, sem agressividade. A motivação do crime ainda não foi esclarecida. Após atacar as pessoas, ele pulou o muro para a rua e tentou entrar novamente, mas foi detido pela Polícia Militar (PM). Um outro envolvido também foi detido, mas ainda não há detalhes da participação dele no crime. 

Fonte

Estado de Minas

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Economia
Corte de energia elétrica está suspenso por três meses
Corte de energia elétrica está suspenso por três meses
VISUALIZAR
Saúde
Justiça impede Embasa de suspender fornecimento de água por 90 dias
Justiça impede Embasa de suspender fornecimento de água por 90 dias
VISUALIZAR
Policial
Eunápolis: Corpo de homem é encontrado sem a cabeça
Eunápolis: Corpo de homem é encontrado sem a cabeça
VISUALIZAR
Saúde
Pesquisadores brasileiros desenvolvem teste rápido 50% mais barato para Covid-19
Pesquisadores brasileiros desenvolvem teste rápido 50% mais barato para Covid-19
VISUALIZAR
Saúde
Covid-19 é três vezes menos letal no Brasil do que na Itália
Covid-19 é três vezes menos letal no Brasil do que na Itália
VISUALIZAR
Economia
Câmara aprova auxílio de R$ 600 por mês para trabalhadores informais (MEI)
Câmara aprova auxílio de R$ 600 por mês para trabalhadores informais (MEI)
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )