Futucando Notícias

Com “dor de cabeça" para montar equipe, Roger indica João Pedro na vaga de Ronaldo no meio-campo

Bahia enfrenta o Vasco nesta quinta-feira, na Arena Fonte Nova, partida marcada para 19h15
Com “dor de cabeça

OUVIR POSTAGEM

A expulsão de Ronaldo contra o CSA, partida que o Bahia venceu por 2 a 1 e encerrou um período de nove rodadas em jejum, impede que o técnico Roger Machado repita a equipe contra o Vasco, partida marcada para esta quinta-feira, na Arena Fonte Nova. Isso é um problema para o treinador, porque as opções para manter a estrutura do time são escassas.

O jogador que se encaixa no desenho da equipe, com um tripé no meio-campo, é João Pedro, que havia ganhado a vaga de Nino na lateral. E é justamente ele quem deve fazer a função contra o Gigante da Colina, como Roger adiantou em entrevista coletiva concedida na manhã desta sexta-feira.

  • João é uma alternativa. A gente não tem muitas, se precisar manter os três médios por dentro. Como foi contra o Goiás, que o João fez um belo gol. É uma alternativa e é bem provável que possa acontecer – afirmou.

O triunfo contra o CSA deu ao Bahia a possibilidade de continuar sonhando com uma vaga na Libertadores, ainda que remotamente – são 2,2% de chances, de acordo com o Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Para Roger, o resultado foi importante para restabelecer a confiança do grupo, que ainda pode atingir a melhor campanha do Bahia na era dos pontos corridos.

  • Naquele jogo contra o CSA, no último domingo, deixamos para trás o momento de instabilidade, que durou mais do que a gente gostaria. Pensado no jogo como um elemento de decisão, porque era decisivo – a gente até ficou com um jogador a menos, que eu quebro a cabeça para montar a equipe amanhã – nos deu um otimismo, porque com resultados combinados, a gente vive essa expectativa, embora remota. O que nos motiva é terminar o ano bem, fazer a melhor campanha na história dos pontos corridos. Se isso acontecer, com os resultados paralelos ajudando, a gente pode pensar em alguma coisa. É o resgate da confiança e a possibilidade de fazer em casa, diante do torcedor, a gente deixar uma boa imagem dentro de casa – disse.

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Postagens

Bahia
Com “dor de cabeça" para montar equipe, Roger indica João Pedro na vaga de Ronaldo no...
Com “dor de cabeça
VISUALIZAR
Grêmio
Raphael Veiga, do Palmeiras, está na mira do Grêmio para 2020
Raphael Veiga, do Palmeiras, está na mira do Grêmio para 2020
VISUALIZAR
Internacional
Rodrigo Caetano descarta trocar o Inter pelo Palmeiras: Meu compromisso de futuro é aqui
Rodrigo Caetano descarta trocar o Inter pelo Palmeiras: Meu compromisso de futuro é aqui
VISUALIZAR
Grêmio
Grêmio tem cinco jogos para buscar "plano B" no Brasileiro
Grêmio tem cinco jogos para buscar
VISUALIZAR
Vasco
Vasco bate 139 mil e se torna o clube com mais sócios no país
Vasco bate 139 mil e se torna o clube com mais sócios no país
VISUALIZAR
Bahia
Bahia e Chapecoense empatam sem gols na Arena Condá
Bahia e Chapecoense empatam sem gols na Arena Condá
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )