AcidentesDestaque

Mais do que dobra o número de detidos por beber e dirigir no Natal este ano

Ainda segundo o órgão, 1 a cada 21 motoristas que realizaram o teste do bafômetro enquanto dirigiam pelas rodovias federais do Brasil havia consumido bebida alcoólica

Durante a operação de Natal nas rodovias federais deste ano, mais do que dobrou o número de motoristas detidos por dirigir após ter consumido bebida alcoólica, na comparação com os registros do ano passado. Foram 220 ocorrências em 2018, frente a 108 no feriado de 2017, segundo levantamento da PRF (Polícia Rodoviária Federal) sobre as abordagens feitas entre 21 e 25 de dezembro.  A PRF também ressalta que a operação de Natal contou com um dia a mais que no ano passado. Ainda assim, na comparação de média de detidos por dia, houve aumento: 55 este ano, contra 36 no ano passado – avanço de 53%. Ainda segundo o órgão, 1 a cada 21 motoristas que realizaram o teste do bafômetro enquanto dirigiam pelas rodovias federais do Brasil havia consumido bebida alcoólica.

Segundo a PRF, 150 mil pessoas foram abordadas neste ano na Operação Integrada Rodovida, que tem objetivo de reduzir mortes no trânsito e fiscaliza ultrapassagens irregulares, excesso de velocidade e direção após ingerir bebida alcoólica. Rápido demais A PRF diz ter registrado mais de 72.725 flagrantes de excesso de velocidade nas rodovias federais. O órgão também afirma que aconteceram mais de 70 flagrantes por horas de condutores fazendo ultrapassagens irregulares – no último sábado (22), o ônibus da cantora Yasmin Santos se envolveu em um acidente na BR-040, em Goiás, por após um caminhão ter tentado ultrapassar outro ônibus.

Em nota, a PRF afirma que “mesmo com ações de educação para o trânsito, nas quais policiais rodoviários federais alertam os motoristas sobre condutas que podem resultar em acidentes, o órgão contabilizou 1.166 acidentes em rodovias federais. Destes, 303 foram acidentes graves, quando resultam em, pelo menos, um óbito ou um ferido gravemente. Esses acidentes resultaram em 1.485 feridos e 89 mortos”.

Fonte: uol
Tags

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.