DestaqueNotíciasPolícia

Dois são mortos a tiros em carro em Itacaré; mulher se fingiu de morta e sobreviveu

Após os suspeitos saírem do local, a jovem saiu do veículo e pediu socorro. O caso está sendo investigado pela delegacia local.

Dois jovens foram assassinados a tiros quando estavam dentro de um carro, após o veículo ser cercado no município de Itacaré, localizado na região no sul do estado. A namorada de uma das vítimas, que também estava no veículo no momento do ataque, se fingiu de morta e, depois que os atiradores fugiram do local, acionou a polícia.

O crime ocorreu na madrugada de domingo (12), quando as vítimas voltavam de uma festa. Ainda não há informações sobre a autoria e a motivação do duplo homicídio.

De acordo com a polícia, um dos jovens mortos, Wildiney Avilez Pereira do Carmo, e a namorada dele, Michelly Aguiar de Souza, 20 anos, ambos da cidade de Itabuna, também no sul do estado, estavam passeando em Itacaré e à procura de uma pousada.

Os dois, então, encontraram um amigo na cidade, que disse que os hospedariam em casa. O amigo não teve identidade divulgada.

Os três foram para uma festa na cidade e, quando estavam indo para a casa, foram abordados por quatro homens, que chegarem em outro carro. O veículo das vítimas passava pela localidade conhecida como Ladeira Grande, no bairro Pituba, quando os suspeitos cercaram o carro e começaram a atirar.

Os criminosos aproveitaram o momento em que o veículo das vítimas reduziu a velocidade para passar em um quebra-molas.

Wildiney e o amigo estavam no banco da frente e morreram ainda no local do crime. Michelly, que estava no banco de trás se fingiu de morta e conseguiu sobreviver.

Após os suspeitos saírem do local, a jovem saiu do veículo e pediu socorro. O caso está sendo investigado pela delegacia local.

Fonte: G1/Ba
Tags

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.