DestaquePolícia

89 mortos e mais de mil feridos durante feriado prolongado de Natal nas rodovias federais

Foram contabilizados 1.166 acidentes nas rodovias federais

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apresentou o balanço da operação Natal no período de 21 a 25 de dezembro. Foram contabilizados 1.166 acidentes nas rodovias federais . A Operação Rodovida durou quatro dias e registrou vários acidentes que deixaram 89 mortos e 1.485 feridos em todo o país.

Entre os casos mais graves registrados nacionalmente está o acidente que matou três adultos, duas crianças e dois bebês no sábado (22), em Porangatu (GO). Todos eram da mesma família e viajavam para uma festa de Natal.

Em Carazinho (RS), quatro pessoas morreram em um acidente entre um carro e um ônibus. O passageiro do ônibus que morreu estava sem cinto de segurança e foi arremessado do veículo.

Outros casos

Durante o período de Natal, a PRF registrou mais de 70 flagrantes por hora de condutores fazendo ultrapassagens irregulares em rodovias federais. Também foram registrados 72.725 flagrantes de excesso de velocidade.

As ações de fiscalização também focaram a ingestão de bebida alcoólica ao volante. Durante os quatro dias, foram 1.907 autos de infração para motoristas que dirigiram após ingerir bebida alcoólica, um flagrante a cada 21 testes de bafômetro aplicados.

Outros 5.807 motoristas foram flagrados sem cinto de segurança. Durante as fiscalizações, a PRF também emitiu 946 autos de infração para motociclistas sem capacete e 1.020 motoristas foram flagrados trafegando com crianças sem cadeirinha.

Fonte: TN
Tags

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.