Sitiantes e pequenos criadores da região do Embaré, localizada na zona rural de Eunápolis, estão pedindo socorro. Segundo eles, a Veracel está provocando misérias e sofrimentos mandando prender animais sem dar nenhuma chance de defesa e utilizando servidores do estado da Bahia e empresas terceirizadas. Produtores se queixam que todo o gado capturado nas propriedades rurais está sendo levado para uma propriedade particular da multinacional onde some misteriosamente na referida área da Veracel, localizada nos fundos do Distrito Industrial de Eunápolis.

O Futucando Notícias foi procurado por um pequeno produtor,  conhecido na região do Embaré como Gil do Queijo, comerciante que está passando dificuldades e que segundo ele, a mando da Veracel, foram roubadas 37 cabeças de gado, pertencentes ao seu pai, que eram levados para ser vacinados.

Gil do queijo conta em entrevista de vídeo o que aconteceu e diz ainda que a ADAB teria se manifestado em processo movido por ele alegando que quem prendeu o gado foi a Veracel.

Assista:

Gil do Queijo faz graves acusações de perseguições e diz ainda que a única área de preservação que existe próxima ao seu sítio era da Veracel e foi vendida para terceiros.

Assista:

Clique aqui e veja a matéria sobre a contaminação e morte do Rio Santa Cruz.

Outros pequenos sitiantes também tiveram animais levados à força e sem nada poderem fazer, sem direitos de defesas, em uma situação desesperadora. A ADAB estaria apoiando a multinacional Veracel sob a alegação de que os animais estariam invadindo áreas de plantios e preservação.

O Produtor já procurou o advogado criminalista Dr. Mário Júnior Amorim para que tome providências contra os responsáveis pelos prejuízos causados.

O produtor Gil do Queijo tirou estas fotos do gado apreendido já em áreas pertencentes à Veracel:

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Destaque

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Detran recorre de decisão que proíbe apreensão de veículos com IPVA atrasado

O Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) acionou a Procuradoria Geral do E…