1ª reportagem: URC- União da Resistência Camponesa contrata advogado Mário Júnior para atuar em processos contra a Veracel

4 primeira leitura
0

A URC- União da Resistência Camponesa contratou o advogado criminalista Dr. Mário Júnior Pereira Amorim para atuar nas defesas de processos movidos pela Veracel contra centenas de famílias que ocupam áreas de terras da Fazenda Santa Bárbara localizada em Santa Cruz de Cabrália. Um ofício do INCRA pediu para que não houvesse a reintegração que resultou na destruição dos barracos e plantações, uma cópia foi enviada para o FUTUCANDO:

A URC acusa a Veracel de ocupar terras devolutas do estado da Bahia, segundo eles, muitas com documentações de origem duvidosas usadas pela multinacional para induzir a justiça a erros catastróficos com o objetivo de continuar plantando florestas de eucaliptos obtendo muito mais lucros às custas de destruições de barracos e plantios causando sofrimentos para as famílias de agricultores que pretendem pedir à justiça que apure com rigor a participação de servidores públicos, acusados de supostamente receberem “incentivos” para beneficiar a Veracel em supostas reintegrações de posse sem mandados judiciais. A empresa cumpriu a reintegração de posse no dia 10 de agosto e segundo o líder da URC o imóvel está sendo reocupado.Ouça:

O advogado Dr. Mário Júnior representa também o acampamento 2 de Julho que já sofreu 7 reintegrações de posses com várias destruições em áreas que não pertencem à empresa, representa a Associação Miramar (antiga Catarina Galindo) que teria sido assentada pela Veracel na Fazenda Conjunto Miramar, projeto de assentamento desenvolvido pela ESALQ, porém a multinacional quer tomar a propriedade a todo custo e a Associação Miramar se defende na justiça contra pedidos de reintegração de posse, representa ainda os agricultores Geraldo e Derolino que acusam a Veracel de querer roubar as suas propriedades utilizando documentações supostamente fraudulentas de uma propriedade chamada de Sítio Esperança, que estaria localizada em Santa Cruz Cabrália, fato que provocou pedido de perícia pela justiça local, prontamente contestado pela Veracel no Tribunal de Justiça da Bahia. O advogado criminalista representa também vários  outros pequenos criadores que acusam a Veracel de roubar suas cabeças de gados.

Os processos correm na justiça local, impetrados pelo advogado criminalista que entrará com novos pedidos de indenizações e reparações pelos danos causados aos seus clientes.

Nossa reportagem acompanhou o advogado Mário Júnior em conversa como o líder do URC, Antônio Carlos, que já apresentou à justiça vários documentos contra a Veracel.

 


 

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Denúncia

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Marca japonesa de câmeras fotográficas Nikon encerra atividades no Brasil

A marca de câmeras fotográfica Nikon anunciou o encerramento de suas atividades no Brasil.…