Gel anti-impotência com nitroglicerina é considerado novo Viagra

1 primeira leitura
0

Com ação 12 vezes mais rápida do que o Viagra, um gel anti-impotência feito com nitroglicerina pode ser a nova solução para disfunção erétil. O produto libera gás de óxido nítrico à medida que é esfregado no órgão sexual masculino, o que dilata os vasos e aumenta o fluxo sanguíneo. Em testes, os cientistas concluíram que 44% dos homens testados conseguiram alcançar uma ereção depois de cinco minutos. Do total de 220 testes realizados, 70% ficaram excitados em 10 minutos. “As vantagens incluem potencial para uma ação rápida e facilidade de uso. O uso dele poderia ser incorporado nas preliminares sexuais, aumentando o nível de intimidade entre casais”, afirmou o urologista David Ralph, da University College Hospital, de Londres, ao The Sun. Foram observados efeitos colaterais leves, a exemplo de dores de cabeça. No entanto, os médicos disseram ter alterado ligeiramente os ingredientes. Novos estudos são planejados.

Fonte: BN
Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Destaque

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Lei que coloca motorista embriagado na prisão por até oito anos entra em vigor

Entrou em vigor, a partir de sexta (20), a Lei 13.546/17 que prevê a prisão de 5  a 8 anos…