Ex-assessor entrega extratos que comprovam repasses a Lúcio, Geddel e família

3 primeira leitura
0

O ex-assessor do deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), Job Ribeiro Brandão, entregou à força-tarefa da Operação Lava Jato extratos bancários que comprovam transferências de recursos para a família do parlamentar e seu irmão, o ex-ministro Geddel Vieira Lima. De acordo com informações da revista Época, os documentos, parte da negociação da delação premiada de Job, ainda implicam mais um integrante do clã, Afrísio Vieira Lima Filho, irmão de Geddel e Lúcio, que atualmente é diretor legislativo da Câmara dos Deputados. Em depoimento à Polícia Federal, o ex-assessor afirmou que de 70% a 80% do seu salário de secretário parlamentar era devolvido à família Vieira Lima, principalmente em dinheiro vivo. A suspeita era de que o recurso era desviado para o bolso dos peemedebistas. Job apresentou extratos bancários dos últimos cinco anos que apontam a existência de pelo menos cinco transferências bancárias diretas para a família e uma grande quantidade de saques em dinheiro. Procurado pela reportagem, o advogado de Job, Marcelo Ferreira, confirmou que apresentou aos investigadores uma petição que complementa as declarações do ex-assessor e detalha os repasses. Um dos registros encontrados pelo assessor foi do dia 24 de abril de 2014 e comprova a transferência de R$ 2,5 mil para uma conta que pertence a Afrísio Filho. Outra transferência, no valor de R$ 600, foi feita por Job em 24 de março de 2015, para uma conta de Afrísio Vieira Lima, pai dos irmãos, que morreu em janeiro do ano passado. Até uma filha de Afrísio Filho recebeu dinheiro. Há uma transferência de R$ 630, em 10 de abril de 2015, para ela.

Fonte: BN
Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Denúncia

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Esporte: Eunápolis é campeã do Intermunicipal 2017

Eunápolis venceu a seleção de Euclides da Cunha no agregado dos dois jogos da final e se t…