Chefe de cartório é preso em operação da PF na Bahia após aparecer em vídeo recebendo ‘taxa de agilização’

6 primeira leitura
0

O chefe do Cartório do 1º Ofício de Registro de Imóveis e Hipotecas da cidade de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, foi preso na operação Factum da Polícia Federal, na manhã desta terça-feira (3), após aparecer em um vídeo recebendo uma “taxa de agilização” para a realização de serviços, de possíveis despachantes e de corretores de imóveis.

Assista reportagem:

Nas imagens divulgadas pela PF, o homem aparece recebendo propina de três pessoas diferentes. Ele é alvo de um mandado de prisão preventiva e foi preso em casa, na cidade de Vitória da Conquista. O nome dele não foi divulgado pela PF. O homem foi indiciado pela prática dos crimes de corrupção passiva, associação criminosa, tráfico de influência, falsidade ideológica e uso de documento falso.

Também são cumpridos três mandados de prisão temporária contra familiares do titular do cartório, que também faziam parte do esquema, além de corretores de imóveis e despachantes com os quais ele negociava a taxa de agilização.

Todos os mandados de prisão já foram cumpridos e os nomes dos alvos não foram divulgados. Eles são investigados pela prática dos crimes de corrupção passiva, associação criminosa e corrupção ativa.

Ainda são cumpridos oito mandados de busca e apreensão em escritórios e residências, além de medidas cautelares diversas em Vitória da Conquista e também em Salvador. Cinquenta e sete policiais federais participam da operação.

Corrupção ocorria em cartório de registro de imóveis em Vitória da Conquista (Foto: Divulgação/ PF)
Corrupção ocorria em cartório de registro de imóveis em Vitória da Conquista (Foto: Divulgação/ PF)

O nome da operação é referência a um dos significados da expressão “factum”, que, em latim, pode ser “escritura”, já que os crimes de corrupção investigados eram praticados sobretudo para agilizar o registro de escrituras.

Vídeo mostra titular de cartório recebendo 'taxa de agilização'

Vídeo mostra titular de cartório recebendo ‘taxa de agilização’

Titular de cartório é preso em operação da Polícia Federal

Titular de cartório é preso em operação da Polícia Federal

Operação da PF é deflagrada em Vitória da Conquista nesta terça-feira (3) (Foto: Divulgação/ PF)

Operação da PF é deflagrada em Vitória da Conquista nesta terça-feira (3) (Foto: Divulgação/ PF)

Fonte: G1

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar mais por Denúncia
Comentários estão fechados.

Veja Também

Eunápolis registra ataques de escorpiões; duas pessoas morreram no sul da Bahia

O Sul da Bahia continua enfrentando problemas com animais venenosos, que neste ano registr…